nino-skate

Orientações

ivantoro-01

Estas dicas são para os teus pais. Fala com eles para te ajudarem a ler e a entender.

Saiba que cuidados deve ter antes e depois dos tratamentos dentários.

Scroll down
Livro
swipe-02

1. Destartarização

Fazemos destartarização porque queremos limpar a ferida provocada pelo tártaro e pela placa microbiana. As vezes dói, quando há muita infecção.

Preparativos
Tomar um analgésico 1h antes da consulta. Assim a limpeza não incomoda tanto.
Mesmo que vá fazer a limpeza, melhorar a higiene faz as gengivas desinflamarem, ficam menos sensíveis e se vê melhor onde está o problema.

Cuidados após a consulta
Quando a capa de tártaro é removida do dente, algumas pessoas, podem sentir uma sensibilidade aumentada a bebidas ou alimentos frios.

2. Restaurações

Uma restauração bem feita necessita que as gengivas estejam saudáveis e a boca limpa. Senão fica muito difícil haver uma adesão adequada. Onde está húmido e sujo nada cola.

Preparativos
Higiene bucal: Temos que higienizar sempre nossa boca, e em especial antes de consultas. Assim com a boca bem limpa fica mais fácil e melhor feito qualquer tratamento.

Cuidados após a consulta
Algumas vezes, os instrumentos que usamos para afastar as gengivas deixam pequenas “aftas” ao redor do dente. Basta higienizar com cuidado, que volta ao normal.
Quando as cáries estão muito próximas a inervação do dente, após a restauração o dente pode ficar mais sensível durante algum tempo.

3. Faceta de cerâmica

As facetas, à semelhança do compósito, necessitam que as gengivas estejam saudáveis e a boca limpa. Senão fica muito difícil haver uma colagem adequada. Onde está húmido e sujo nada adere.

Preparativos
Higiene bucal: Temos que higienizar sempre nossa boca, e em especial antes de consultas. Assim com a boca bem limpa fica mais fácil e melhor feito qualquer tratamento.

Durante o tratamento
Enquanto as facetas são fabricadas no laboratório de prótese dentária, são feitas restaurações provisórias para proteger o dente. Como são muito finas, há que ter cuidado com alimentos duros, pois podem soltar ou partir. Mas a higiene tem que continuar redobrada.

Cuidados após a consulta

Algumas vezes os instrumentos que usamos para afastar as gengivas e isolar o dente a ser tratado, deixam pequenas “aftas” ao redor do dente. Basta higienizar com cuidado, que volta ao normal.

arrow-01

Voltar ao índice

4. Branqueamento dentário

O branqueamento dental é um tratamento estético. Deve ser feito com critério e sempre em contato com o medico dentista.

Preparativos
Higiene bucal: Temos que higienizar sempre nossa boca, e em especial antes de consultas. Assim, com a boca bem limpa, qualquer tratamento fica mais fácil e melhor feito.

Cuidados durante o tratamento
Alguma sensibilidade ao frio pode surgir durante o tratamento. Caso isso ocorra, não aplique o gel durante dois dias. Caso a sensibilidade aumentada persista, interrompa o tratamento e comunique o medico dentista.
Evite consumir alimentos muito pigmentados logo a seguir à utilização do gel clareador. Exemplo: café, fumar ou alimentos alaranjados ou roxos.
Não exageres! Dentes muito claros não são naturais. Siga as orientações dadas pelo medico dentista e não falte às consultas controle.
No caso do branqueamento interno, o dente durante esse processo está mais frágil. Deve-se tomar cuidado com a alimentação. E caso surja alguma sensibilidade ou dor na gengiva próxima ao dente em tratamento o medico dentista deve ser contatado imediatamente.

Cuidados após o tratamento
Após algum tempo pode ser necessário retocar o branqueamento. Guarde a placa de aplicação. Ela pode vir a ser útil.

 

5. Tratamento endodôntico ou "desvitalização"

A semelhança das restaurações, a desvitalização necessita que as gengivas estejam saudáveis e a boca limpa. Senão fica muito difícil manter seca e limpa a parte interna do dente.
São consultas demoradas devido a dificuldade e a necessidade de limpar ao pormenor, por isso venha com tempo.

Preparativos
Higiene bucal: Temos que higienizar sempre nossa boca, e em especial antes de consultas. Assim, com a boca bem limpa, qualquer tratamento é mais fácil e melhor feito.

Cuidados durante o tratamento
Enquanto o dente estiver em tratamento, sua estrutura está mais frágil. Por isso tens que tomar muito cuidado com a alimentação.

Cuidados após a consulta
Algumas vezes os instrumentos que usamos para isolar o dente a ser tratado, deixam pequenas “aftas” ao redor do dente. Basta higienizar com cuidado, que volta ao normal.
Devido ao uso dos desinfetantes e aos próprios microrganismos, nos dois dias a seguir à consulta pode ocorrer algum desconforto e até inchaço. Melhora com um analgésico ou um antiinflamatório.
A desvitalização não é o fim do tratamento. O dente necessita ser restaurado logo a seguir. Só assim ele volta a ter resistência e pode ser usado normalmente.

arrow-02

Voltar ao índice

6. Cirurgia oral

Ao escrever estas orientações não queremos fazer parecer que as cirurgias são algo doloroso e com muito sofrimento. Quando tomamos os cuidados listados a seguir, tudo torna-se mais fácil e tranquilo. A parte difícil e as preocupações cabem ao cirurgião que naturalmente já está habituado a isso.
De uma forma geral as cirurgias orais são feitas com anestesia local e sem necessidade de recobro na clinica. Mesmo assim alguns cuidados são sempre bem vindos (em cirurgia cuidados a mais, não são demais):

Recomendações PRÉ-operatórias

Preparativos

  • é aconselhado ir acompanhado à clinica,
  • programe menos atividades diárias e evite compromissos importantes nesse dia,
  • prepare alimentação mais macia para as primeiras 48 horas,
  • deixe gelo na geladeira, para usar nas primeiras horas.

Horário da cirurgia

Prefira os horários da manhã:

  • há menos preocupações e ansiedade e temos mais energia,
  • existe uma maior quantidade de hormonas que vão auxiliar no controlo do desconforto e na reparação dos tecidos,
  • há mais tempo para seguir os cuidados pós operatórios,
  • pode-se entrar em contato com o cirurgião com mais facilidade, caso haja alguma dúvida ou complicação.
  • por favor seja pontual. As consultas de cirurgia tem horários alargados e atrasos criam transtornos no planeamento diário da clinica.

Medicação pré-operatória

Como as cirurgias são tratamentos desconfortáveis, em nossa clinica prescrevemos a medicação analgésica e antinflamatória para ser iniciada 1 a 2 horas antes da cirurgia. Assim:

  • há menos incomodo durante a anestesia e a cirurgia,
  • não tens que ir a uma farmácia logo a seguir a cirurgia,
  • não se sente dor intensa quando passa a anestesia.

Recomendações PÓS-operatórias

Cuidados com a ferida

Mantenha a compressa de gaze colocada até chegar em casa, então a remova gentilmente.
A limpeza do local da cirurgia, deverá ser feita com compressa de gaze embebida em gel de Clorexidina, 03 vezes ao dia.

Evite fumar nos primeiros dias, pois interfere na cicatrização e pode provocar sangramento.

 

Higiene bucal

Não faça bochechos.
Escove os dentes da forma habitual, porém com suavidade.

Dieta

É importante ingerir líquidos, para manter-se hidratado. Não beba com auxílio de palhinhas, porque isto pode causar sangramento.
Alimente-se normalmente após a cirurgia, tão logo seja possível. Alimentos ao natural ou frescos, e macios são mais confortáveis nos primeiros dias.

 

Repouso

Evite esforços físicos intensos nas primeiras 48 horas, e locais muito quentes.

Edema (inchaço)

Edema após a cirurgia é uma reação normal do organismo. Ele atinge seu pico máximo em cerca de 48 horas após a cirurgia e usualmente dura 04 a 06 dias.
Aplicar bolsas de gelo na face, sobre a área da cirurgia, nas primeiras 24 horas ajuda a controlar o edema e diminui o desconforto.

Desconforto

Algum desconforto é normal após a cirurgia. Pode ser controlado com o analgésico prescrito.
Também é natural ocorrer rigidez muscular e dificuldade em abrir a boca. São reações que melhorarão entre 05 a 10 dias.

Sangramento

Algum sangramento gotejará da área da cirurgia. Você poderá encontrar manchas de sangue no seu travesseiro pela manhã.
Não fique cuspindo, nem use palhinha para sugar os alimentos, pois isto provoca sangramentos.
Se ocorrer muito sangramento, coloque uma compressa de gaze sobre o ferimento e pressione (ou morda-a) durante 20 minutos.
Mantenha sua cabeça elevada com vários travesseiros ou sente-se numa poltrona.

 

Equimose (“pisaduras”)

Podem ocorrer manchas arroxeadas próximo a área da cirurgia. Ocorre em algumas pessoas e não deve ser motivo de maior preocupação. Elas desaparecerão entre 07 a 14 dias.

Suturas (pontos)

As suturas deverão ser removidas em cerca de uma semana.

Telefone se:

Tiver desconforto excessivo que não pode ser controlado com comprimidos analgésicos.
Tiver sangramento que não pode ser controlado com o morder da compressa de gaze.
Tiver aumento do edema após o terceiro dia da cirurgia.
Tiver febre.
Tiver dúvidas ou perguntas.

 

7. Cirurgia periodontal

Ao escrever estas orientações não queremos fazer parecer que as cirurgias são algo doloroso e com muito sofrimento. Quando tomamos os cuidados listados a seguir, tudo torna-se mais fácil e tranquilo. A parte difícil e as preocupações cabem ao cirurgião que naturalmente já está habituado a isso.

A cirurgia plástica periodontal é um procedimento muito delicado e feito com anestesia local. E por serem procedimentos delicados os cuidados pós operatórios são muito importantes:

Recomendações PRÉ-operatórias

Preparativos

  • programe menos atividades diárias e evite compromissos importantes nesse dia,
  • prepare alimentação mais macia para as primeiras 48h após a cirurgia.

Horário da cirurgia

Prefira os horários da manhã:

  • há menos preocupações e ansiedade e estamos com mais energia,
  • existe uma maior quantidade de hormonas que nos vão auxiliar no controlo do desconforto e na reparação dos tecidos,
  • há mais tempo para seguir as orientações pós operatórias
  • pode-se entrar em contato com o cirurgião com mais facilidade, caso haja alguma dúvida ou complicação.
  • Por favor seja pontual. As consultas de cirurgia tem horários alargados e atrasos criam transtornos no planeamento diário da clinica.

Medicação pré-operatória

Como as cirurgias são tratamentos desconfortáveis, em nossa clinica prescrevemos a medicação analgésica e antinflamatória para ser iniciada 1 a 2 horas antes da cirurgia. Assim:

  • há menos incomodo durante a anestesia e a cirurgia,
  • não tens que ir a uma farmácia logo a seguir a cirurgia,
  • Não se sente dor intensa quando passa a anestesia.

Recomendações PÓS-operatórias

Cuidados com a ferida

A limpeza do local da cirurgia, deverá ser feita com compressa de gaze embebida em gel de Clorexidina, 03 vezes ao dia.
Evite fumar nas primeiras semanas, pois REALMENTE INTERFERE na cicatrização da ferida sobre os enxertos gengivais, AUMENTA O RISCO DE INFECÇÕES e leva a perda de todo o trabalho.
Mesmo que o local da ferida tenha um aspecto esbranquiçado e com pele solta, não remova! Trata-se das gengivas ainda em cicatrização. Mantenha apenas uma limpeza cuidadosa.

Higiene bucal

Não faça bochechos.
Escove os dentes da forma habitual, porém com suavidade.

Dieta

É importante ingerir líquidos, para manter-se hidratado. Não beba com auxílio de palhinhas, porque isto pode causar sangramento.
Alimente-se normalmente após a cirurgia, tão logo seja possível. Alimentos ao natural ou frescos, e macios são mais confortáveis nos primeiros dias.

Repouso

Evite esforços físicos intensos nas primeiras 48 horas, e locais muito quentes.

Edema (inchaço)

Edema após a cirurgia é uma reação normal do organismo. Ele atinge seu pico máximo em cerca de 48 horas após a cirurgia e usualmente dura 04 a 06 dias.
Aplicar bolsas de gelo na face, sobre a área da cirurgia, nas primeiras 24 horas ajuda a controlar o edema e diminui o desconforto.

Desconforto

Algum desconforto é normal após a cirurgia. Isto pode ser controlado com o analgésico prescrito.

Sangramento

Algum sangramento gotejará normalmente da área da cirurgia. Você poderá encontrar manchas de sangue no seu travesseiro pela manhã.
Não fique cuspindo, nem use palhinha para sugar os alimentos, pois isto provoca sangramentos.
Se ocorrer muito sangramento, coloque uma compressa de gaze sobre o ferimento e pressione durante 20 minutos.
Mantenha sua cabeça elevada com vários travesseiros ou sente-se numa poltrona.

Equimose (“pisaduras”)

Podem ocorrer manchas arroxeadas próximo a área da cirurgia. Ocorre normalmente em algumas pessoas e não deve ser motivo de maior preocupação. Elas desaparecerão entre 07 a 14 dias.

Suturas (pontos)

As suturas deverão ser removidas em cerca de uma a duas semanas.

Telefone se:

Tiver desconforto excessivo que não pode ser controlado com comprimidos analgésicos.
Tiver sangramento que não pode ser controlado com o morder da compressa de gaze.
Tiver aumento do edema após o terceiro dia da cirurgia.
Tiver febre.
Tiver dúvidas ou perguntas.

arrow-03

Voltar ao índice

8. Implante dentário

De uma forma geral as cirurgias para colocação de implantes são procedimentos feitos com anestesia local e sem necessidade de recobro na clinica.

As cirurgias de implantes dentários não são muito dolorosas e com sofrimento. Quando tomamos os cuidados listados a seguir, tudo torna-se mais fácil e tranquilo. A parte difícil e as preocupações cabem ao cirurgião que naturalmente já está habituado a isso.
Mesmo assim alguns cuidados são sempre bem vindos; em cirurgia de implantes, cuidados a mais, não são demais:

Recomendações PRÉ-operatórias

Preparativos

  • é aconselhado ir acompanhado à clinica,
  • programe menos atividades diárias e evite compromissos importantes nesse dia,prepare alimentação mais macia para as primeiras 48h após a cirurgia,
  • deixe gelo, ou bolsas de gel, no congelador para usar nas primeiras horas após a cirurgia.

Horário da cirurgia

Prefira os horários da manhã:

  • há menos preocupações e ansiedade e estamos com mais energia,
  • existe uma maior quantidade de hormonas que nos vão auxiliar no controlo do desconforto e na reparação dos tecidos,
  • há mais tempo para seguir as orientações pós operatórias
  • pode-se entrar em contato com o cirurgião com mais facilidade, caso haja alguma dúvida ou complicação,
  • por favor seja pontual. As consultas de cirurgia tem horários alargados e atrasos criam transtornos no planeamento diário da clinica.

Medicação pré-operatória

Como a colocação de implantes são cirurgias, em nossa clinica prescrevemos a medicação analgésica e antinflamatória para ser iniciada algumas horas antes, assim:

  • há menos incomodo durante a anestesia,
  • não tens que ir a uma farmácia logo a seguir a cirurgia,
  • não se sente dor intensa quando passa a anestesia,
  • ocorre menos edema.

Recomendações PÓS-operatórias

Cuidados com a ferida

A limpeza do local da cirurgia, deverá ser feita com compressa de gaze embebida em gel de Clorexidina, 3 vezes ao dia.
Evite fumar nas primeiras semanas, pois INTERFERE na cicatrização da ferida ao redor do implantes e AUMENTA O RISCO DE INFECÇÕES.
Caso use próteses, convém ficar SEM elas o máximo de tempo (não usar), para não pressionar a ferida ou os implantes.

Higiene bucal

Não faça bochechos.
Escove os dentes da forma habitual, porém com suavidade.

Dieta

É importante ingerir líquidos, para manter-se hidratado. Não beba com auxílio de palhinhas, porque isto pode causar sangramento.
Alimente-se normalmente após a cirurgia, tão logo seja possível. Alimentos ao natural ou frescos, e macios são mais confortáveis nos primeiros dias.

Repouso

Evite esforços físicos intensos nas primeiras 48 horas, e locais muito quentes.

Edema (inchaço)

Edema após a cirurgia é uma reação normal do organismo. Ele atinge seu pico máximo em cerca de 48 horas após a cirurgia e usualmente dura 04 a 06 dias.
Aplicar bolsas de gelo na face, sobre a área da cirurgia, nas primeiras 24 horas ajuda a controlar o edema e diminui o desconforto.

Desconforto

Algum desconforto é normal após a cirurgia. Isto pode ser controlado, mas não eliminado, com o analgésico prescrito.

Sangramento

Algum sangramento gotejará normalmente da área da cirurgia. Você poderá encontrar manchas de sangue no seu travesseiro pela manhã.
Não fique cuspindo, nem use palhinha para sugar os alimentos, pois isto provoca sangramentos.
Se ocorrer sangramento intenso, coloque uma compressa de gaze sobre o ferimento e morda durante 20 minutos.
Mantenha sua cabeça elevada com vários travesseiros ou sente-se numa poltrona.

Equimose (“pisaduras”)

Podem ocorrer manchas arroxeadas próximo a área da cirurgia. Ocorre normalmente em algumas pessoas e não deve ser motivo de maior preocupação. Elas desaparecerão entre 07 a 14 dias.

Suturas (pontos)

As suturas deverão ser removidas entre uma a duas semanas.

Telefone se:

Tiver desconforto excessivo que não pode ser controlado com comprimidos analgésicos.
Tiver sangramento que não pode ser controlado com o morder da compressa de gaze.
Tiver aumento do edema após o terceiro dia da cirurgia.
Tiver febre.
Tiver dúvidas ou perguntas.

 

9. Enxerto ósseo

Ao escrever estas orientações não queremos fazer parecer que as cirurgias de enxertos ósseos são algo doloroso e com muito sofrimento. Quando tomamos os cuidados listados a seguir, tudo torna-se mais fácil e tranquilo. A parte difícil e as preocupações cabem ao cirurgião que naturalmente já está habituado a isso.

Recomendações PRÉ-operatórias

Preparativos

De uma forma geral os enxertos ósseos são procedimentos feitos com anestesia local e sem necessidade de recobro na clinica. Mesmo assim alguns cuidados são sempre bem vindos; em cirurgia, cuidados a mais não são demais:

  • é aconselhado ir acompanhado à clinica,
  • faça repouso durante 24h ou programe menos atividades diárias e evite compromissos importantes nesse dia,
  • prepare alimentação mais macia para as primeiras 48h após a cirurgia,
  • deixe gelo, ou bolsas de gel, no congelador para usar nas primeiras horas após a cirurgia.

Horário da cirurgia

Prefira os horários da manhã:

  • há menos preocupações e ansiedade e estamos com mais energia,
  • existe uma maior quantidade de hormonas que nos vão auxiliar no controlo do desconforto e na reparação dos tecidos,
  • há mais tempo para seguir as orientações pós operatórias (ex.: aplicar gelo),
  • pode-se entrar em contato com o cirurgião com mais facilidade, caso haja alguma dúvida ou complicação,
  • por favor seja pontual. As consultas de cirurgia tem horários alargados e atrasos criam transtornos no planeamento diário da clinica.

Medicação pré-operatória

Como os enxertos ósseos são tratamentos mais extensos, em nossa clinica prescrevemos a medicação analgésica e antinflamatória para ser iniciada algumas horas antes da cirurgia. Assim:

  • há menos incomodo durante a anestesia e a cirurgia de enxertia,
  • não tens que ir a uma farmácia logo a seguir a cirurgia,
  • Não se sente dor intensa quando passa a anestesia.
  • ocorre menos edema.

Recomendações PÓS-operatórias

Cuidados com a ferida

 

A limpeza do local da cirurgia, deverá ser feita com compressa de gaze embebida em gel de Clorexidina, 3 vezes ao dia.
Evite fumar nas primeiras semanas, pois REALMENTE INTERFERE na cicatrização da ferida sobre os enxertos ósseos e AUMENTA O RISCO DE INFECÇÕES.
Caso use próteses, convém ficar sem elas o máximo de tempo, para não pressionar a ferida.

Higiene bucal

Não faça bochechos.
Escove os dentes da forma habitual, porém com suavidade.

Dieta

 

É importante ingerir líquidos, para manter-se hidratado. Não beba com auxílio de palhinhas, porque isto pode causar sangramento.
Alimente-se normalmente após a cirurgia, tão logo seja possível. Alimentos ao natural ou frescos, e macios são mais confortáveis nos primeiros dias.

Repouso

Evite esforços físicos intensos nas primeiras 48 horas, e locais muito quentes.

Edema (inchaço)

Edema após a cirurgia é uma reação normal do organismo. Ele atinge seu pico máximo em cerca de 48 horas após a cirurgia e usualmente dura 04 a 06 dias.
Aplicar bolsas de gelo na face, sobre a área da cirurgia, nas primeiras 24 horas ajuda a controlar o edema e diminui o desconforto.

Desconforto

Algum desconforto é normal após a cirurgia. Isto pode ser controlado, mas não eliminado, com o analgésico prescrito.
Também é natural ocorrer rigidez muscular e alguma dificuldade em abrir a boca. São reações que melhorarão entre 05 a 10 dias.

Sangramento

Algum sangramento gotejará normalmente da área da cirurgia. Você poderá encontrar manchas de sangue no seu travesseiro pela manhã.
Não fique cuspindo, nem use palhinha para sugar os alimentos, pois isto provoca sangramentos.
Se ocorrer sangramento intenso, coloque uma compressa de gaze sobre o ferimento e morda firmemente durante 20 minutos.
Mantenha sua cabeça elevada com vários travesseiros ou sente-se numa poltrona.

Equimose (“pisaduras”)

Podem ocorrer manchas arroxeadas próximo a área da cirurgia. Ocorre normalmente em algumas pessoas e não deve ser motivo de maior preocupação. Elas desaparecerão entre 07 a 14 dias.

Suturas (pontos)

As suturas deverão ser removidas entre uma a duas semanas.

Telefone se:

Tiver desconforto excessivo que não pode ser controlado com comprimidos analgésicos.
Tiver sangramento que não pode ser controlado com o morder da compressa de gaze.
Tiver aumento do edema após o terceiro dia da cirurgia.
Tiver febre.
Tiver dúvidas ou perguntas.

 

arrow-04

Voltar ao índice

10. Aparelho ortodôntico

Antes do tratamento

O movimento dos dentes resulta de forças aplicadas neles que remodelam o ligamento periodontal e osso adjacente. Como tal, infeções gengivais devem ser tratadas antes de iniciar qualquer processo ortodôntico, senão pode haver dano aos dentes e ao periodonto.
Como os aparelhos ortodônticos aumentam a acumulação de placa microbiana, antes de iniciar, todas as cáries ou infeções bucais devem estar tratadas e a motivação à higiene reforçada.

As razões pelas quais se quer fazer o tratamento são importantes para realizar o melhor diagnostico e gestão dessas mesmas expectativas. Para um eficiente diagnostico e programação do tratamento, o ortodontista necessita de vários exames como ortopantomografia, radiografia de perfil, fotografias intra e extra-orais, e modelos de estudo.

O tratamento ortodôntico pode ser demorado, e o tempo de tratamento pode ser alterado, como tal não se deve considerar com definitivo a previsão inicial de tratamento.

É nossa obrigação fazer um diagnóstico e plano de tratamento adequados, que podem implicar aparelhos de vários tipos, explicar quais as várias alternativas e que possíveis condicionantes têm no preço e tempo do tratamento a aplicação dessas alternativas (ex. aparelhos cerâmicos, ortodontia lingual, goteiras de alinhamento).

 

Durante o tratamento

Lembre-se que os aparelhos facilitam a acumulação de placa microbiana e por isso os seus cuidados com a higiene oral devem ser aumentados. Não são os aparelhos ortodônticos que provocam cáries, mas sim a placa microbiana depositada.

Escove os dentes logo após as refeições com a escova de dentes e com o escovilhão interdentário e bocheche com elixir fluoretado. A escova deve ser macia o suficiente para chegar a todos os “recantos” do aparelho e ser trocada quando as cerdas aparecerem “abertas”.
A pasta deve ser fluoretada e não se recomenda pasta branqueadora pois tem algum potencial de desmineralização.

Evite alimentos açucarados e com elevada adesividade (pastilhas elásticas, rebuçados, gomas, caramelo, etc.). Não utilize os dentes da frente para cortar alimentos (maçã, cenoura, sanduíches, carne com ossos, etc.). Utilize, ao invés, uma faca. Não trincar alimentos duros (rebuçados, gelo, cerais crus, amendoim, pipocas, castanhas) uma vez que estes podem fraturar o aparelho.

Os refrigerantes gasificados e açucarados são sempre desaconselhados, e durante o tratamento mais ainda, pois a sua ação cariogénica é mais elevada nos casos de ortodontia.
Alimentos que possuem muitos corantes, alteram a cor dos elásticos do aparelho e devem ser evitados pelos pacientes que usam aparelhos estéticos de cerâmica (ex.: caril, açafrão, café, etc.).

É normal sentir um incómodo nos dentes nos dois ou três primeiros dias após as consultas. Se sentir dor, ingira alimentos macios, tome um analgésico (Paracetamol 1000 mg) e informe o ocorrido ao seu ortodontista na consulta seguinte. O nível de sensibilidade à dor varia de paciente para paciente. Lembrar que o movimento dentário é inibido pelos anti-inflamatorios (ex.: Brufen®, Voltaren®), a sua toma deve ser evitada em caso de dor.

No caso de fraturar alguma peça do aparelho, informe a assistente do consultório para que a sua próxima consulta seja planeada com a duração adequada e com o material necessário para a reparação do aparelho.
Se o aparelho magoar, ligue para o consultório para receber instruções de como proceder. Ceras ou silicones podem ser utilizados para proteger a gengiva ou a bochecha até à próxima consulta.

A correta utilização dos aparelhos auxiliares e dos elásticos intraorais é fundamental para a progressão do tratamento. Faltas, atrasos, peças soltas, perda de peças, falta de cooperação na utilização dos elásticos ou outros aparelhos acessórios levam a um aumento do tempo do tratamento. É fundamental no caso de aparelhos do género de expansores o cumprimento das ativações. Um tratamento bem sucedido e dentro do prazo estipulado depende em grande parte da colaboração de todos.

Como o tratamento ortodôntico altera a posição dentária, e como tal a relação óssea entre maxila e mandíbula, pode ocorrer durante e após o tratamento dores e “estalidos” na articulação temporomandibular. Quando terminados de forma estável e correta estes sintomas tendem a desaparecer.
Lembrar que em virtude da idade e do tipo de crescimento, pode ser necessário alterar o plano de tratamento.

 

Após a ortodontia

É possível que durante o tratamento ortodôntico possa aparecer cáries dentárias devido a uma higiene dentária ineficiente. Como tal um primeiro check-up clinico e radiográfico aprofundado deve ser feito, como forma de diagnosticar e tratar pequenas lesões que se tenham desenvolvido.

Após a remoção do aparelho ortodôntico é necessário a manutenção de uma higiene cuidada e um reforço da fluoretação para mineralizar as zonas que perderam minerais, como são as partes dentárias ao redor dos braquetes e bandas.

Enquanto este equilíbrio não se efetua o efeito dos açucares e dos alimentos potencialmente corantes pode pigmentar e cariar as zonas ondes os braquetes e bandas estiveram aderidos.

Após a ortodontia o ligamento que une os dentes ao osso encontra-se alargado e como tal os destes correm o risco de se movimentar. Para prevenir estes movimentos são colocadas contenções fixas ou removíveis que devem ser usados por um prazo máximo de 2 anos.
As contenções fixas são passiveis de acumulação de placa microbiana tal como os aparelhos fixos. Por isso tem os mesmos protocolos rigorosos de higiene.

Existem tratamento que por diversas razões, terminam com uma oclusão instável. Sendo uma boa oclusão fundamental para a estabilidade do tratamento, as contenções podem ser prolongadas no tempo.
As contenções removíveis devem ser lavadas com escova, água morna corrente e sabão e guardadas em local seco.

Após o tratamento deve ser feita uma consulta de controlo após 3 meses para fazer uns destartarização e avaliação do tratamento e uma nova após 6 meses.

Todo o processo pré, durante e após o tratamento ortodôntico é passível de uma “garantia” de palavra ou escrita. Para que tal seja viável o paciente deve cumprir com as recomendações e deveres inerentes a esta partilha de responsabilidades.

 

fim

arrow-01

Voltar ao índice

Voltar para cima